Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda & Style

por Joana Freitas

Moda & Style

por Joana Freitas

Saiba tudo sobre as tintas decorativas

Talvez o aspeto que causa mais impacto na decoração seja a tinta das paredes, afinal, é ela quem dita os tons e matrizes predominantes, seja internamente ou externamente. Tanto é, que quando se quer mudar a decoração de uma divisão, a primeira coisa que muitos pensam é mudar a cor das paredes.

 

Sabe quais os tipos de tintas existentes no mercado que podem realizar essa função? Se não, continue a leitura desse artigo e veja a lista de tintas que separamos!

Tinta acrílica

A tinta acrílica é impermeável, sendo ideal para aplicar em ambientes externos que tenham contacto com a chuva e humidade. Por causa dessa característica, ela pode ser facilmente lavável, não estragando de forma fácil. Por exemplo, elas são muito úteis na decoração das fachadas graças às sua resistência.

 

Ela também seca rápido, não fica amarelada com o passar do tempo e há versões que não possuem odor forte. Tintas acrílicas podem ser encontradas em três tipos: fosca, semibrilho e acetinado.  

Esmalte sintético

O esmalte sintético é indicado para o uso em superfícies de metal ou madeira, como também sobre azulejos. Ele possui um odor forte e a sua secagem pode ser mais demorada. Não é recomendado para ser usado em paredes.

 

Possui acabamento acetinado, fosco ou brilhante também. O seu custo é, geralmente, mais elevado.

Époxi

Este tipo de tinta tem alta resistência à água, podendo ser usada em ambientes muito húmidos ou em contacto direto com a água, tais como piscinas e caixas d’água.

 

Ela pode ser aplicada em pisos, em madeira, em metal, em cimento queimado, em aço, entre outros. Também tem boa resistência à forte incidência de luz solar.

 

Na hora de aplicar a tinta epoxi, chame mão-de-obra especializada, pois esta tinta não é solúvel em água. Devido à sua composição química, ela requer cuidados especiais.

Verniz

É uma tinta protetora transparente usada mais em acabamentos ou para impermeabilizar algumas superfícies.

 

É aplicada em pisos, dando uma aparência fosca ou brilhantem tornando-o resistente à água. Pode ser usada em ambientes externos e/ou interiores. Pode ser usado em móveis também, para renovar a pintura desbotada ou ressecada, revigorando internamente a decoração do apartamento ou escritório.

Látex

É uma tinta com vários tipos, entre eles o PVC, o mais comum. É usada na pintura de paredes interiores, possuindo um preço mais em conta.

 

Pode ser aplicada em massa de reboco, massa corrida, gesso, etc. Não tem muita resistência à água, podendo sair ou ir perdendo a cor e consistência caso fique em contacto prolongado com ela. Não tem tanta resistência aos efeitos dos raios solares e a sua limpeza deve ser feita com cuidado para não removê-la da parede ou criar borrões/manchas devido à cor do tecido usado. Seca rapidamente, porém tem odor característico que necessita de um a vários dias para sair.

 

A sua limpeza pode ser realizada com um pano húmido, mas cuidado para não aplicar muita força e remover a tinta durante o ato de limpá-la. É uma tinta à base de água.

 

Texto por Matheus Bertoluci

Imagem: Pinterest