Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Moda & Style

por Joana Freitas

Moda & Style

por Joana Freitas

Organizar o escritório

Um escritório é essencial para qualquer comum mortal, sobretudo para aqueles que exercem uma profissão que exija organização em tudo o que se faz, como é o caso dos contabilistas e dos advogados.

 

Embora não seja nem economista nem advogada, apenas uma estudante com aspiração de um dia vir a ser qualquer coisa, sou extremamente organizada (paranóica, diga-se de passagem) e gosto sempre de ter o meu local com tudo no sítio, para depois ser mais fácil localizar aquilo que pretendo.

 

Desde cadernos a livros, passando ainda pelo material de escrita, nada falta na minha secretária e tudo tem um local destinado, incluindo o material que é para reaproveitamento, como é o caso das agendas de anos que já passaram e que passam a servir de caderno, ou então cadernos que não chegaram ao fim.

(Para obter informações detalhadas, como preços, cores e tamanhos, clique no objeto que pretende)

 

Embora pareça difícil, organizar um espaço não custa assim tanto, pelo menos se tudo for bem delineado de início. Para isso, há que definir bem os locais onde cada coisa deve estar e depois seguir à risca essa estrutura, pois a partir do momento em que tudo começar a ficar ao calhas, as coisas acabam por não correr bem.

 

Para organizar papéis, revistas e outro tipo de documentos soltos, os organizadores são excelentes aliados, pois além de terem muita capacidade, permitem, por exemplo, separar tudo por temas e/ou datas. Já no que toca a livros, as estantes são as melhores amigas, por isso, comprar uma secretária que já as tenha, é meio caminho andado.

 

A par do mobiliário, ter alguns itens de papelaria e escrita são extremamente importantes. Borrachas, lápis, canetas, instrumentos de medição (régua, esquadro, transferidor ou o aristo, que é tudo em um), clips, molas, afia-lápis, post-its e pisa papéis são alguns exemplos do material mais "miúdo" que é indispensável. Na área da papelaria, as típicas agendas de bolso, os cadernos e os planeadores (que se penduram na parede e que permitem ter uma visão geral dos afazeres ao longo do ano) são alguns exemplos.